Quatro armadilhas da mente que impedem nosso desenvolvimento



Da mesma maneira que nosso cérebro é capaz de criar estímulos para nos motivar e impulsionar a realizar algo, ele também é capaz de criar armadilhas capazes de nos paralisar diante de algumas situações.

Você já sentiu que as vezes sua vida parece um novelo de linha cheio de nó? Você tem tantas ideias, mas não consegue completar nenhuma?

Confira agora! Quatro armadilhas da mente que devemos evitar para que possamos agir em prol de nossos sonhos e objetivos:

Ø Conformismo

Se você é do tipo de pessoa que aceita tudo em prol do bem comum, faz de tudo para não se estressar e acredita que o que acontece estava predestinado, não há o que mudar.

Eu lamento informar, mas não dá para colher flores lindas e maravilhosas se você não plantou nada, ou ainda, como vai ter sucesso se você aceita qualquer coisa para sua vida?

Para hoje, estabeleça metas, tire seus sonhos da gaveta e faça algo todos os dias para atingir seus objetivos. Mova-se na direção de seus sonhos.

Ø 2ª Síndrome do coitadinho

Se você é do tipo de pessoa que pensa que tudo de ruim acontece contigo, que as pessoas te odeiam por isso te prejudicam, ou ainda que todo mundo tem inveja de você, talvez seja hora de repensar seus conceitos, todo mundo tem problemas iguais ou piores que o seu, nem por isso ficam apenas reclamando e fazendo mimimi, elas enfrentam, lutam, e buscam soluções.

Se você percebe que faz isso acrescente em suas reclamações a palavra, MAS seguida de algo positivo (Exemplo: Eu estou com dívidas, mas posso pagar um pouco por mês).

Ø 3ª Medo de correr risco

Já parou para pensar como seria o mundo se todas as pessoas tivessem medo de correr riscos?

Imagine que como seria se todas as pessoas que você conhece tivessem medo de arriscar, como seria?

Ser prevenido é algo importante, mas tudo que é exagerado, paralisa.

Veja bem, você é aquele espermatozoide que saiu em disparada junto com outros milhões num terreno ácido e desconhecido em busca de um objetivo a prova de que venceu é que está aí lendo esse texto. Já pensou se não tivesse se ariscado? Tenha coragem de lutar por aquilo que acredita e pagar o preço necessário para isso.

Ø Medo de errar

Partimos da premissa de que somos humanos, logo estamos sujeitos ao erro.

Nem todo erro é ruim e todos nossos erros servem como aprendizagem, no entanto errar e não aprender com o erro é uma falha. Errar, assumir a responsabilidade e mudar é uma virtude.

Então aprenda a se responsabilizar por seus erros, se perdoe por isso e corrija aquilo que for necessário. Sua vida, sua responsabilidade.

Espero que tenha gostado do post, se gostou compartilhe com seus amigos, deixe seu recado para que eu possa trazer temas que sejam relevantes para você. Se quiser se aprofundar e viver sua missão de vida entre em contato comigo e conheça o meu trabalho como coaching de vida.

Abraços da Lu!

51 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo